É urgente proteger os refugiados em Moria - Amnistia Internacional Portugal

19 Setembro 2020  - 1 Outubro 2020 

Os incêndios que consumiram o campo de Moria, na ilha grega de Lesbos, deixaram 12.500 pessoas sem qualquer tipo de abrigo e com acesso muito limitado a água potável, comida e cuidados médicos. As pessoas mais velhas, com doenças crónicas, crianças, mulheres grávidas, mães com bebés pequenos e pessoas portadoras de deficiência estão entre os mais vulneráveis, que precisam de ajuda urgente.

Queremos que se juntem a nós na pressão às autoridades gregas para que, com a ajuda da União Europeia, providenciem ajuda humanitária e acelerem os processos de recolocação.

PROTEÇÃO URGENTE PARA OS REFUGIADOS EM MORIA

Quando: até dia 1 de outubro

Onde: onde quer que esteja

Ver ação

Junte-se à

Rede de Ações Urgentes

Artigos Relacionados